Sindicato Classisista e de Luta fale conosco
Publicações

Publicações

WAACK VAI PRA RÁDIO “KU KLUX PAN?”

Ícone Calendário08/01/2018
WAACK VAI PRA RÁDIO “KU KLUX PAN?”

Uma notinha emblemática do site UOL: “O jornalista William Waack, recém-saído da Globo, passou a manhã desta sexta-feira (5) na sede da rádio Jovem Pan, em São Paulo. Segundo algumas fontes, existem boas possibilidades de um acerto com a emissora. A Pan, consultada, nega o encontro”. Caso a especulação seja confirmada, ela é compreensível. O ex-todo-poderoso âncora do 'Jornal da Globo' foi demitido após o vazamento de um vídeo em que revelou o seu racismo. Já a rádio citada é famosa por suas posições fascistas – tanto que já foi apelidada de rádio “Ku Klux Pan”, em uma alegoria à seita racista Ku Klux Klan dos EUA.

 

O dono da emissora é o militante direitista Antônio Augusto Amaral de Carvalho Filho, vulgo Tuta. Ele foi um ativo participante das marchas golpistas pelo impeachment de Dilma Rousseff. Com a chegada ao poder da quadrilha de Michel Temer, o mercenário passou a circular pelos corredores de Brasília com desenvoltura. O departamento de jornalismo da Jovem Pan reúne alguns dos maiores trogloditas da mídia nativa, entre eles o hidrófobo historiador Marco Antonio Villa, a plagiadora Joice Hasselmann, o patético Felipe Moura Brasil e o “humorista” Marcelo Madureira. Também já passaram por lá a musa golpista Rachel Sheherazade e o “metralha” Reinaldo Azevedo.

 

Como registrou o saudoso Paulo Nogueira, em artigo postado no blog “Diário do Centro do Mundo” no final de 2014, “a Jovem Pan deixou de ser uma rádio. É, hoje, um centro de propaganda de ideias terrivelmente reacionárias... Por trás disso está o dono, um eterno adolescente conhecido como Tutinha, ao qual se atribui a autoria da infame foto em que um herdeiro do Estadão, numa passeata pró-Aécio, erguia uma placa na qual mandava a Venezuela ‘se foder’. Se agiram em dupla, Debi e Loide não fariam coisa melhor”. O direitista William Waack deverá se sentir em casa se a contratação for confirmada.

 

Em tempo, só para relembrar: No dia 8 de novembro, viralizou nas redes sociais um vídeo gravado minutos antes do apresentador entrar no ar no Jornal da Globo, em uma transmissão realizada em frente à Casa Branca, nos EUA, em 2016. “Tá buzinando por que, seu merda do caralho”, rosna o jornalista no vídeo, reclamando de uma buzina que soava na rua. Em seguida, ele balbucia ao convidado, o comentarista Paulo Sotero, ao seu lado: “Você é um, não vou nem falar, eu sei quem é”. E arremata: “É preto, é coisa de preto”. No mesmo dia do vazamento, William Waack foi retirado da bancada do telejornal, sendo substituído pela jornalista Renata Lo Prete, que abriu o programa anunciando seu afastamento temporário para a devida apuração do episódio de racismo. Em 22 de dezembro, a demissão de William Waack foi confirmada!

 

 

Postado por Altamiro Borges

Parceiros

Parceiros

  • Contraf
  • Federação dos Bancários
  • Bancários Classistas
  • AFBNB
  • Fenae
  • Vermelho
  • ANABB
  • CTB
Enquete

Enquete

O QUE VC ACHA DO GOVERNO TEMER ?