Sindicato Classisista e de Luta fale conosco
Notícias

Notícias

NA ONU, BOLSONARO PASSA UM GRANDE VEXAME

Ícone Calendário22/09/2020
NA ONU, BOLSONARO PASSA UM GRANDE VEXAME

 

 

Promovendo um vexame internacional, o presidente Jair Bolsonaro culpou os povos indígenas pelos incêndios criminosos na região do Pantanal e na Amazônia. Não suficiente, durante o discurso para a Assembleia Geral da ONU (Organização das Nações Unidas), mentiu ao dizer que tem combatido com rigor a destruição das matas brasileiras, além de culpar a imprensa por pânico com o coronavírus. 

Durante o pronunciamento aos líderes internacionais, Bolsonaro ainda culpou sem provas a Venezuela pelo derramamento de óleo no litoral brasileiro. Com o discurso de “tolerância zero para crime ambiental”, o presidente pouco fez para minimizar a série de prejuízos na atividade de pesca e turismo, atingidos pelo óleo no litoral do Nordeste, que ainda segue sem explicações sobre origem.

Mesmo com as queimadas em níveis recordes de destruição, Bolsonaro exaltou o agronegócio, principal responsável pela destruição das matas. Ao falar que o Brasil produz alimentos para mais de 1 bilhão de pessoas, ele não menciona como o país voltou a fazer parte do mapa da fome, já que milhões de brasileiros estão desempregados e sem condições de acesso a alimentos básicos.

Quanto à pandemia da Covid-19, empurrou a responsabilidade das medidas necessárias de combate ao vírus aos governadores. Responsabilizou os meios de comunicação por disseminar Fake News e causar pânico na sociedade, além de mentir ao dizer que o governo implementou medidas econômicas para evitar o pior no país.

Fonte: SEEB/BA

Parceiros

Parceiros

  • Contraf
  • Federação dos Bancários
  • Bancários Classistas
  • AFBNB
  • Fenae
  • Vermelho
  • ANABB
  • CTB
Enquete

Enquete

PARA VC O GOVERNO BOLSONARO