Sindicato Classisista e de Luta fale conosco
Notícias

Notícias

REFORMA TRABALHISTA: DOIS ANOS DE INEFICIÊNCIA

Ícone Calendário18/11/2019
REFORMA TRABALHISTA: DOIS ANOS DE INEFICIÊNCIA

 

 

Enquanto 12,7 milhões de brasileiros passam noites em filas de mutirão de emprego, com a utópica expectativa de uma possível contratação, o governo Bolsonaro aprofunda a reforma trabalhista "fajuta" de Michel Temer, retirando mais direitos do cidadão e piorando a crise. As pesquisas comprovam que as mudanças não melhoraram a vida das pessoas. Pelo contrário.

De acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), em setembro, o país tinha 12,5 milhões de pessoas desempregadas. Uma redução tímida se comparada a há dois anos e que escancara que a reforma trabalhista era balela. Uma agenda que atendia apenas aos empresários.

Ainda, segundo o IBGE, a redução foi puxada pelos empregados sem carteira assinada e pelas pessoas que trabalham por conta própria. Para se ter ideia, a informalidade disparou nos últimos anos e atinge 38,8 milhões de brasileiros.

Para piorar a vida do cidadão, ao invés de apresentar um projeto capaz de retomar o crescimento com a geração de emprego, o governo propõe mais mudanças na CLT, reduzindo ainda mais os encargos para empresas atacando o direito dos trabalhadores.

 

Fonte : SEEB/Ba

Parceiros

Parceiros

  • Contraf
  • Federação dos Bancários
  • Bancários Classistas
  • AFBNB
  • Fenae
  • Vermelho
  • ANABB
  • CTB
Enquete

Enquete

PARA VC O GOVERNO BOLSONARO