Sindicato Classisista e de Luta fale conosco
Notícias

Notícias

GOVERNO BOLSONARO QUER COBRAR ALUGUEL DO MINHA CASA MINHA VIDA

Ícone Calendário24/05/2019
GOVERNO BOLSONARO QUER COBRAR ALUGUEL DO MINHA CASA MINHA VIDA

 

 

O sonho da casa própria pode ficar ainda mais longe para a população mais carente O governo anunciou mudanças no Minha Casa, Minha Vida. A pessoa que integra a faixa 1 (famílias com renda de até R$ 1,8 mil) e a faixa 1,5 (renda até R$ 2,6 mil) não se tornará proprietária da moradia e terá de pagar aluguel para o governo. Ou seja, o programa passará a ser Meu Aluguel, Minha Vida.

O beneficiário terá de frequentar ações sociais do governo, como programas de capacitação, para ter direito ao aluguel. Pelas alterações, as moradias na faixa 1 serão de "transição" e depois, com o aumento da renda, a família se habilite a um financiamento imobiliário – da faixa 1,5 ou até da faixa 2 (famílias com renda de até R$ 4 mil).

O anúncio do ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, demonstra que o governo desconhece a realidade da população. Hoje são 13,4 milhões de pessoas desempregadas e 39 milhões de trabalhadores informais.

Sem esquecer da crise econômica que assola o país, que reflete no baixo poder de consumo, além do congelamento de investimento público por conta da PEC do Teto dos Gastos. A cobrança de aluguel só pode ser piada.

Fonte: SEEB/Ba

Parceiros

Parceiros

  • Contraf
  • Federação dos Bancários
  • Bancários Classistas
  • AFBNB
  • Fenae
  • Vermelho
  • ANABB
  • CTB
Enquete

Enquete

PARA VC O GOVERNO BOLSONARO